Acompanhe sua gestação com o Maternidade Sem Neura: 5º mês

Veja o que deve estar acontecendo com o bebê na barriga e com você também! Saiba o que será importante cuidar nesse período!

No final desse mês, pesará 350g e terá cerca de 26cm. Seus dedinhos já têm impressões digitais, os olhos estão corretamente posicionados e sua pele começará a ganhar a tonalidade rosada. Ele movimenta-se bastante e muda de posição dentro do útero. Ele já conseguirá ouvir ruídos e reconhecerá a sua voz. Por isso, converse e cante. Intensifica-se o funcionamento do sistema digestivo e começa-se a acumular as fezes no intestino. Seu sistema nervoso estará mais complexo. Nessa fase, será formado o verniz, que protegerá sua pele do contato constante com o líquido amniótico.

O seu médico deverá solicitar o segundo ultrassom morfológico. Você também já começará a sentir o seu bebê e perceber, de fato, sua existência. Mas não fique preocupada se ainda não o sentir, pois algumas mulheres irão percebê-lo no próximo mês. Você poderá sentir que está acumulando mais líquidos e, no final do dia, terá as pernas inchadas. Massagem, drenagem ou exercícios leves podem te fazer sentir mais confortável. Procure tomar bastante líquido e preparar os alimentos com menos sal. A vontade de urinar deve aumentar devido à pressão do útero sobre da bexiga. Podem surgir manchas escuras na pele pelo depósito de melanina. As câimbras, principalmente durante a madrugada, podem acontecer. Com o crescimento da barriga, dormir pode ficar mais desconfortável e você poderá sentir falta de ar. Aproveite os travesseiros para elevar sua cabeça.

imagem de internet

Já decidiu onde será o parto? Se for ter em um hospital, é hora de visitar as diferentes opções. Se optar por parto domiciliar, também é importante saber qual poderá ser a maternidade que te dará retaguarda, caso precise. Você já deve ter decidido o seu médico, mas considerou a importância de outros profissionais? A doula é aquela pessoa que dá suporte e físico e emocional a outras mulheres antes, durante e após o parto. Ela será sua interface com a equipe médica durante o parto, mas seu trabalho começará muito antes disso. Conheça mais sobre o seu trabalho, acessando o sites oficial brasileiro (http://www.doulas.com.br/). A obstetriz também é uma figura importante. Ela poderá, inclusive, estar mais presente do que o próprio médico durante o trabalho de parto. Ela até pode fazer o parto normal acontecer, além de acompanhar a recuperação da puérpera e do bebê no período perinatal e neonatal.

E o enxoval? Na nossa página, temos uma lista de itens essenciais e, outros, nem tanto.

Leia, aqui, os posts anteriores:

1º mês

2º mês

3º mês

4º mês

Para maiores informações, acompanhe o Maternidade Sem Neura no Facebook! www.facebook.com/mamaessemneura.

Para agendar um atendimento com nutricionista, acesse: http://migre.me/sDcVZ

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: