Saiba como foi o II Encontro para a Promoção, Proteção e Apoio à Amamentação

De 1 a 7 de agosto, acontece a Semana Mundial de Aleitamento Materno, promovida pela World Alliance for Breastfeeding Action (WABA). Neste ano, o tema é “Aleitamento materno: presente saudável, futuro sustentável”, visando informar como os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionam-se com a amamentação e a alimentação infantil, elucidando a amamentação como um componente-chave do desenvolvimento sustentável. Com isso, o Centro de Saúde Geraldo de Paula Souza da FSP/USP, com o apoio da Comissão de Cultura e Extensão e do Maternidade Sem Neura, realizou o II Encontro para a Promoção, Proteção e Apoio à Amamentação (veja aqui como foi o evento do ano passado).

O evento, que aconteceu nos dias 1 e 2, foi organizado por mim, Viviane, e pela Samantha, que somos nutricionistas do CRNutri, e pelas alunas de pós-graduação de Nutrição em Saúde Pública (Adriana, Gabriela, Gláubia, Lucimeire e Naiá). Essa foi a nossa programação!

13654193_10155093013974698_4264517220210192163_n

No dia 1, fizemos o Seminário intitulado “Aleitamento Materno e Desenvolvimento Sustentável: avanços e desafios no contexto brasileiro”. Fizemos no anfiteatro João Yunes e contamos com 212 participantes. O presidente da CCEx e professor da FSP Leandro Giatti teceu as palavras iniciais no Seminário, falando da importância de eventos como esse no ambiente universitário. Ele foi sucedido pela professora Simone Diniz, que também é vice-coordenadora do GT Gênero e Saúde da Abrasco, que fez a abertura oficial do Seminário.

Depois, tivemos a palestra de Marina Rea, da Ibfan, abordando a importância da amamentação na perspectiva da sustentabilidade. Nesse momento, ela trouxe o documento do Lancet especialmente dedicado ao aleitamento materno. Porém, esse tema foi aprofundado pela Sonia Venâncio, que também apresentou o cenário de políticas públicas voltadas à amamentação.

Gabriela Buccini, que fez parte da Comissão Organizadora do evento, também fez uma palestra, trazendo resultados parciais da sua tese de doutorado sobre a associação entre o uso de chupetas e a interrupção do aleitamento materno exclusivo de forma mais precoce. Depois, a Dra. Maria José Mattar falou da importância dos bancos de leite humano existentes em todos os Estados brasileiros. Para finalizar, Débora Diniz, da MILC, fez toda a plateia refletir sobre as estratégias que a indústria de alimentos vêm usando para promover suas fórmulas e, consequentemente, interferir na amamentação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O segundo dia era mais do que especial para mim! Chamamos “A Universidade convida as famílias para celebrar a amamentação”. O objetivo era exatamente esse: propor uma série de atividades sensibilizadoras, e que também apoiassem não somente a amamentação mas o cuidado infantil e materno.

Quem abriu o dia foi ninguém menos do que o pediatra Cacá, um grande defensor da amamentação, que promoveu uma roda de conversa repleta de mães, bebês, algumas avós e pais, profissionais e estudantes. Cacá tratou de uma forma muito sensível as questões que surgem como barreiras ao longo da amamentação e não há quem não se sinta acolhido e mexido com suas palavras.

Depois, tivemos uma vivência de shantala, com Ana Lucia de Moraes, do Centro de Saúde Escola Geraldo de Paula Souza. Pelo segundo ano, ela mostrou no Encontro, as origens da massagem e como se dá a sua prática.

Na sequência, aconteceu um encontro de gerações: Cristina Bernat e Cauê Bernat, mãe e filho, enfermeira e educador físico, trouxeram uma atividade de consciência corporal às gestantes que estavam no evento e para alguns profissionais que quiseram compreender mais sobre o tema.

No nosso almoço, estava previsto um piquenique. Mas o tempo esfriou e, então, fizemos nosso lanche em um espaço fechado, mais acolhedor para os bebês que, nesse momento, já eram mais de 30. Enquanto as pessoas comiam, a querida Rosângela Alves, da Sampa Sling, realizou a sua tradicional Slingada. Nela, Rosângela contou os benefícios do colo, mostrou os diferentes modelos de carregadores e, principalmente, ensinou a usá-los corretamente. Muita mãe experimentou pela primeira vez a liberdade de ter os braços soltos e carregar o bebê ao mesmo tempo.

No início da tarde, foi a vez de falar sobre alimentação complementar e BLW, como uma etapa que sucede o aleitamento materno exclusivo. Inicialmente, a atividade seria conduzida exclusivamente pelo Maternidade Sem Neura. Porém, tivemos tanta procura que fizemos a atividade em duas salas simultâneas. Dione e eu ficamos com as famílias e a Samantha (com o Noah a tiracolo) trabalhou com muita competência com os profissionais e alunos. Falamos sobre a importância da alimentação para além do valor nutricional e sobre a complexidade que permeia a expectativa da família com as características do bebê.

Depois de conversarmos muito, chegou o momento das mães relaxarem e se aproximarem ainda mais dos seus bebês por meio da Dança Materna. A Dança, de criação da bailarina Tatiana Tardioli, foi conduzida lindamente pelas professoras Pâmela Morimoto (Osasco) e Tânia Silva (Morumbi). Risos, carinhos, lágrimas e muito movimento durante uma hora de atividade!

E, para terminar, recebemos Isadora Canto, apresentando o show “Vida de Criança”, acompanhada da musicista Camila Lordy. Com muita melodia, Isadora cantou sobre a maternidade, os avós e, claro, sobre a amamentação. Não poderia ter um fechamento melhor!

E esse foi o nosso evento! Ficou nítida a necessidade de espaços constantes para discutir a amamentação, especialmente para estudantes e profissionais! Na condição de uma das organizadoras, agradeço a todos os participantes e àqueles que doaram um pouco do seu tempo e da sua experiência para enriquecer o II Encontro para a Promoção, Proteção e Apoio à Amamentação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Anúncios


Categorias:Aconteceu Maternidade Sem Neura

Tags:, , , , , , , , , , , , , , ,

1 resposta

Trackbacks

  1. Construindo alianças sem conflitos de interesse: participe do III Encontro para a Promoção, Proteção e Apoio à Amamentação

Comente esse post! Vamos gostar de ler sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: